sábado, 12 de julho de 2014

Metas

    Em meio a tamanhos acontecimentos, resolvi fazer algo que não fazia a um bom tempo, escrever. Escrever não sobre coisas que falo normalmente, mas sobre como nós, seres humanos, nos importamos tanto, tanto, com metas. Elas tem um poder tão grande, que as vezes nos perdemos no meio do caminho.
      Digo isso porque até certo tempo atrás, estava escrevendo um livro, sim um livro. E acredite ou não, é umas das tarefas mais complexas que já fiz, porque só o ato de você entrar na internet já é uma distração. Além disso, falo de metas porque, não sei você, elas me pautaram o tempo todo, desde que era criança eu tinha um planejamento (por mais simples que fosse). E uma das coisas que mais falei nesses últimos dias foi: "faltam só mais 4 capítulos", até reparar então, que tinha escrito mais 20, e os quatro nunca chegaram, mas quando chegaram, ainda se estenderam um pouco.
       Reparem, quando nós crescemos e nos tornamos independentes, isto é, conquistamos nosso espaço no mundo, almejamos coisas como nosso canto e ter nossa vida. Muitos de nós desejam ter um filho, e assim, criam-se metas para ele. Ele vai crescer, ser um cidadão de bem, conquistar o espaço dele e, de forma cíclica, tudo se repetirá.
       Existem metas que são comuns a todos, não que as já citadas não sejam, porém essas transcendem tal aspecto, como por exemplo o desejo da seleção brasileira conquistar o título de Hexa. Assim, sendo bombardeados com avisos e contagens regressivas para copa, esperávamos que o mínimo acontecesse (porque falar que não iria ter copa era quase utópico), mas infelizmente, o pior aconteceu, e enquanto corruptos eram soltos (porque chama-los de políticos é ofensa às pessoas de bem), o Brasil chorava por um sonho que agora esta um pouco longe. Para nossa sorte, o humor é sempre uma forma de contornar, afinal de contas, rir é sempre o melhor remédio.
       Até lá, continuaremos sonhando com mais um título, tentaremos resolver outros problemas, e continuaremos traçando novos objetivos. Pra frente Brasil!

Nenhum comentário:

Postar um comentário